A silhueta ampulheta, também conhecida como violão, é aquela que possui a medida dos ombros basicamente igual a dos quadris e onde a cintura é bem marcada, criando este formato cheio de curvas da figura abaixo.

ampulheta

Segundo as personal stylists inglesas Trinny & Susannah, este biotipo é “o sonho de qualquer pintor”, ou seja, é considerado o tipo físico “ideal” por ter as formas mais femininas e ter sido por muito tempo (até hoje!) a referência de corpo de mulher em nossa história.

Sendo assim, o desafio das ampulhetas é valorizar este ar feminino, não desarmonizar estas formas privilegiadas e somente disfarçar alguns pontos que queira, como quilinhos a mais, seios grandes, perninhas grossas, etc.

Cuidados

  • Não crie muito volume nos ombros ou nos quadris: mangas bufantes, laços e babados em excesso, calças largas demais ou com pregas não são recomendados.
  • Não marque demais a cintura: fique longe dos cintos de elástico ou muito finos, faixinhas estreitas e itens apertados em geral. Caso contrário, suas formas perderão a naturalidade.
  • Evite roupas largas ou justas demais: roupas largas esconderão suas formas e justas não caem bem para niguém, né? Além de adicionar quilinhos a mais a qualquer pessoa, claro.

Apostas

  • Chame atenção para seu rosto, pescoço e colo. Esta regrinha é a chave para disfarçar quaisquer imperfeições e alongar a silhueta. Lenços, colares, brincos e adereços no cabelo são liberados e recomendados!
  • Roupas que acompanham as formas de seu corpo são ideais: blazers e camisas acinturadas, saias lápis, cardigans e golas transpassadas e calças retas são suas apostas.
  • Utilize elementos alongadores através de golas V, listras verticais (criadas através de cardigans e casaquinhos abotoados ou abertos, camisas e estampas) e looks monocromáticos que, além de valorizar qualquer mulher, ainda são sofisticados.

Veja abaixo os outros posts sobre silhuetas:

Beijocas e até a próxima!