Conheci a querida Janahyna Motta durante o workshop do Antonio Bernardo no Donna DC. Ela é jornalista, possui o blog Moda de Santa e também tem um jornalzinho bastante exclusivo que circula pela cidade com o mesmo nome. Legal, né?

Depois da palestra pude ver melhor seu look e achei super interessante, bem básico porém cheio de informação de moda, com coordenação de cores legais e bem feminino, e então resolvi conversar um pouco com ela sobre suas escolhas para aquele dia.

Janahyna me contou que procurou conforto acima de tudo, pois passaria a noite toda no evento, só que também precisava ser uma produção interessante, afinal o evento é de moda e muitas pessoas estarão reparando.

Então escolheu a saia tulipa de tecido, uma blusinha básica para usar por baixo e sua jaquetinha perfecto de brim (tinha uma bem parecida na Renner!), super moderninha. Para os pés ela pensou em vir sem saltão, porém, como se considera baixinha, não resistiu a pelo menos este salto mais grosso da bota de montaria, que é super confortável.

A bota de cano alto poderia achatar a silhueta de Janahyna, porém a saia mais curta e de cintura alta e a jaqueta curtinha ajudaram a alongar as pernas, assim como a cor da bota, bem próxima à da pele dela.

Para complementar, unhas pink, acessórios discretos e uma maxi-bolsa (da PatJullie!) onde cabe tudo que se precisa carregar em um evento desses: câmera, caderninho, telefones, cartões, carteira, necessaire e afins.

Se vocês observarem, todas as cores são super neutras (preto, bege, marrom, azul), porém quando jogadas juntas trazem “interessância” ao look. A maior parte das pessoas jogaria bota preta ou bolsa combinando exatamente com a bota, porém aqui Janahyna brincou com as cores e acertou em cheio em sua produção.

A bota de montaria possui referências masculinas, entretanto a saia curtinha, os acessórios delicados e o estilo da bolsa pesaram o look para um lado bem mulherzinha, que parece ser a cara de Janahyna. E, no fim, é isto que importa!

Beijocas,

Roberta