No chat que fiz para o site Hagah no mês passado, vários participantes me pediram para passar alguns truques de consultoria para pessoas que querem parecer mais magrinhas sem precisar fazer dieta, ou seja, somente usando roupas, acessórios e jogos de cor. Mas, além disso, também teve bastante gente pedindo truques para as magrinhas que querem parecer mais cheinhas, afinal tem muita gente que sofre com corpinhos magros demais, sem formas ou volumes desejados, não é mesmo?

Passei algumas dicas rápidas lá no chat, mas quero desenvolvê-las mais detalhadamente por aqui, começando com as técnicas para alongar a afinar a silhueta e, em um próximo post, para fazer o contrário: deixar o corpo mais cheinho!

Vamos lá?

Para quem quer parecer mais magrinha e alongada:

1. Looks monocromáticos são seus amigos!

Looks monocromáticos ou tom-sobre-tom, além de serem super elegantes, criam um efeito de “todo”, onde o olho do expectador não pára em lugar algum do corpo do observado. Este movimento do olhar sem interrupções e sem linhas horizontais criadas por contrastes altos entre parte de cima e de baixo faz com que vejamos o corpo da pessoa mais fininho e alongado. Tudo de bom, né?

2. Não se prenda ao tamanho que está nas etiquetas

Não se prenda a números ou a P, M ou G. Como os tamanhos não são padronizados, cada marca faz os seus e, consequentemente o que é M em uma marca poderá ser G em outra, o que é 42 em uma poderá ser 38 em outra. Ou seja, não tenha medo de experimentar outros tamanhos!

O importante é a roupa ser do tamanho certo para você, que é aquele em que a roupa acompanha as formas do corpo com conforto e caimento soltinho, nem justo nem largo. Roupas pequenas ou grandes demais são tremendas sabotadoras de aparência, adicionando quilinhos a mais em que as usa.

3. Crie movimentos verticais na produção

Sempre que o olho do observador faz movimentos verticais em nosso corpo quando nos olha, acabamos criando um efeito alongador que, por consequência, afina a silhueta.

O movimento vertical pode ser criado por estampas ou listras verticais, claro, mas também por cardigans ou blazers abertinhos, lenços jogados soltos ao longo do corpo ou com amarrações verticais (alô nó gravata – tem vídeo aqui!), pelo abotoamento de camisas e vestidos, colares longos e golas V, por exemplo.

4. Alô rostinho!

Chamar a atenção para o rosto e colo também é um ótimo truque para manter os olhos do expectador naquela região, desviando o olhar do restante do corpo ou de partezinhas que queremos disfarçar.

Maxi-brincos e colares, fivelinhas ou lenços no cabelo ou no pescoço ou uma bela maquiagem são maneiras práticas de fazer isto.

5. Atenção para a altura das bainhas

Quem quer alongar as pernas (e, consequentemente, o corpo todo!) deve tomar bastante cuidado com a altura das bainhas de calças e saias: a bainha ideal de calças deve ficar, no máximo, a 2 dedos do chão, sendo medida com o sapato que você irá usar com aquela peça específica. Por isso, você sempre deverá ter no armário calças com tamanhos de bainhas diferentes, uma para cada altura de salto que você tem.

Para as saias, nunca ultrapasse a altura do joelho, evitando toda a área entre ele e o peito do pé. Aliás, os maxi-vestidos e saias, tão em voga atualmente, devem cobrir o peito do pé, respeitando os 2 dedinhos máximos do chão.

No próximo post, dicas para as magrinhas que querem ficar mais cheinhas. Aguardem!

Beijos,

Roberta