Clipping: Etiqueta na praia

Antes das minhas férias fui convidada pelo Diário Catarinense para falar um pouquinho sobre algumsa dicas básicas de etiqueta na praia, para que todos possam curtir este espaço delicioso com mais diversão e menos dores de cabeça.

É natural que alguns stresses existam sempre que um grupo grande de pessoas diferentes têm que conviver no mesmo local, mas com certeza uma maneira de manter a harmonia é respeitar o espaço do outro, sempre, entre outras coisinhas!

Seguem as perguntas feitas pela jornalista Karine Wenzel e minhas respostas que, em conjunto com outras fontes, resultaram na matéria:

1. DC: Quais seriam as principais dicas de etiqueta para aqueles que frequentam a praia?

Roberta Carlucci: O mais importante quando se está em um espaço público, seja ele qual for, é respeitar o espaço do outro, sempre. Por isso evite falar alto, colocar som (o fone de ouvido é must have) ou fazer saraus (deixe para o luau), gritar para chamar outras pessoas e também sentar muito próximo a outras barracas, para assim não invadir a privacidade de ninguém.

Além disso, as principais dicas são:

– É importantíssimo ser responsável pelo próprio lixo: separe tudo em um saquinho que deve ser levado ao lixo mais próximo quando for sair da praia.

– Quando for sacudir sua toalha ou canga, atente para quem está próximo, pois é muito indelicado encher os outros de areia. Prefira fazê-lo próximo à água, verificando a direção do vento e sempre longe de outras pessoas.  

– Bichos de estimação não combinam com praia: além do calor não ser nada saudável para eles, podem pegar doenças e transmití-las às outras pessoas.

– Namorar na praia é muito bom, mas é preciso bom senso, pois ninguém precisa testemunhar sua intimidade.

– Depilar ou clarear os pêlos na praia é gafe máxima! Deixe para fazê-lo de forma privada em outro lugar.

– Ao mergulhar ou pegar jacaré, cuide par anão esbarrar nas pessoas que estão próximas de você. O ideal é somente fazê-lo quando a redondeza estiver mais vazia.

– É preciso ter cuidado redobrado com os filhos neste ambiente: desde ficar de olho para que não que não se percam até combinar regras claras para que não incomodem os vizinhos com brincadeiras inconvenientes, gritos e guerras de areia.

– Fumantes devem atentar para a direção do vento, afim de não jogar fumaça nas pessoas ao redor, ainda mais se forem crianças. É importantíssimo também levar um cinzeiro (ou improvisar um) para que as cinzas e a bituca não sejam jogadas na areia.

– Praticar esportes na praia é uma delícia, mas novamente é importante não acabar com a diversão alheia. Procure um espaço o mais afastado possível das pessoas, preferencialmente mais perto da água, e não deixe que bolas ou outros objetos caiam em ninguém.

– Cuide com biquínis transparentes ou sem forro, especialmente os de cor clara e brancos, para não revelar aos outros mais do que o necessário.

2. DC: Como lidar com pessoas que têm comportamento desagradável (som alto, jogam areia da canga em cima das outras pessoas)?

RC: O ideal é sempre ser o mais educado possível, conversando com calma para que a pessoa entenda o que fez e possa se desculpar. Sempre existem aquelas que são menos educadas e, se for o caso, evite discussões, seja você a parte civilizada e releve, mude de lugar e/ou abstraia para não acabar com a sua diversão.

3. DC: O que é importante levar em conta para manter uma boa convivência na praia?

RC: Se você seguir estas máximas, dificilmente irá errar:

– Respeitar o espaço do outro e deixar a praia limpa para as pessoas que forem curtir a praia depois de você.

– Não fazer com os outros o que você não gostaria que fizessem com você. É clichê, mas sempre funciona.

– Cuidar de suas coisas e dos seus para que todos curtam a praia respeitando os outros que estão fazendo o mesmo.

– Ter paciência e ser pacífico para que uma bobagem não acabe com a sua diversão.

4. É importante também as pessoas irem mais abertas e descontraídas em ambientes assim? Por quê?

RC:  Com certeza! Sempre que estamos em ambientes com muitas pessoas é imprescindível redobrar a paciência e respirar fundo, pois nem todos possuem os mesmos hábitos e princípios e, por mais que você não concorde, é preciso respeitar.

Entrar em discussões com estranhos, agredir e coisas do gênero só irão acabar com a diversão de todos e ainda podem causar problemas futuros. Evite se expôr e abuse da discrição!

A matéria completa saiu no DC de domingo, dia 11/01, e vocês podem conferir na íntegra abaixo:

DC-2015---etiquetaDC-2015---etiqueta1(Cliquem nas imagens para ver maior!)

Beijos e boa semana,

Roberta

Newsletter


  • Let's go north! 🇳🇱 Pegando a balsa gratuita saindo da estação central de Amsterdam chegamos na parte norte da cidade.
Por aqui o Eye FilmMuseum é a 1a atração, e nesta época vários cafés e restaurantes abrem ao longo da beira-mar.
O restaurante do próprio museu é a pedida da vez, perfeito para observar os barcos passando pelo Ij e ter uma visão diferente do centro de Amsterdã.  Confiram mais do passeio no stories!  #rocarlucciemamsterdam #amsterdam #viajarépreciso #dicasdaholanda #holanda #netherlands #eyefilmmuseum
  • É primavera por aqui! 🌼🌷🌻🌹🌺 #rocarlucciemamsterdam #amsterdam #primavera #casasfloridas #meubairro #amo
  • 10 meses de MUITO amor 💟 
#olivia #caçula #10meses #naoaguento
  • O marido cervejeiro que me desculpe, mas gosto mesmo é de vinho! 🍷🇧🇪 #belgica #acompanhandoomarido #winelovers #familytrip
  • Bruges encantadora... 🇧🇪🍫🏰
  • Amor em Bruges.... 🥰
  • Mais um dia ensolarado em Gent! 🌞🇧🇪 Hoje começamos com um café da manhã delicioso no Alice (@gentalice) e conhecemos os marcos históricos da cidade, como o Castelo do Conde, a igreja de St. Nicholas a catedral de St. Bravo e a torre Belfort. 
O centro histórico é muito pitoresco com suas casinhas típicas, pontes charmosas e milhares de restaurantes. Vale a pena subir na torre Belfort (8 euros para adultos, grátis até 18 anos) para ter uma vista linda da cidade e também entrar no Castelo do Conde (10 euros por adulto, grátis até 18 anos) para uma aula da história local.  Finalizamos o dia com uma massa com trufas deliciosa no Il Folletto, restaurante fora do eixo turístico que encontramos por acaso por aqui. Ah, quem quiser ir tem que reservar!  Compramos também chocolates deliciosos na chocolateria local Cedric Van Hoorebeke, super fofa!  Para mais é só ir no stories, que está salvo nos destaques.  #ferias #belgica #belgium #gent #feriascomcriancas #familytrip #dicasdarocarlucci
  • Ghent, sua linda! 🌞🏰🧳 #ferias #belgica #ghent #familytrip 
Aqui na Holanda as escolas têm bastante férias, e uma delas começa na época de Páscoa com duração de 2 semanas. 
Como as crianças aqui não podem faltar aula de jeito nenhum (faltas injustificadas são passíveis de multas salgadas), inclusive), aproveitamos os dias off para dar uma fugida para o país vizinho, a Bélgica!  Já conhecemos Bruxelas, mas ainda não tínhamos pisado nas gemas do país: Bruges e Ghent. Então é para cá que viemos!  Alugamos um carro e dirigimos meros 120km para chegar aqui.  Nossa 1a impressão de Ghent foi ótima: ficamos em um hotel bem ao lado da cidade velha, que estamos explorando conforme o ritmo da Olivia. A cidade foi fundada em 630 e já foi um dos principais centros comerciais da Europa. Suas catedrais e igrejas impressionam, assim como as casinhas antigas e charmosas.  Estou postando mais do passeio nos stories, se quiser acompanhar! 😉
  • Passeio delícia com amigos a Zaanses Schan, bairro foférrimo de Zaandaam, cidade vizinha a Amsterdam, onde é possível ter um gostinho de como era uma vila holandesa no século XVIII.  Os moinhos e casas foram realocados para lá e estão em funcionamento, além de podermos ver de perto como eram feitos os tamancos holandeses, barris e as ligas de peltre.  O local possui ainda um museu com exposições interessantes e que abriga também o museu do chocolate.  Fica a 20min de Amsterdã e para chegar é só pegar um ônibus direto da Estação Central, o 891.  #vidanaholanda #zaanseschan #passeios #rocarlucciemamsterdam #holanda #dicasdaholanda
  • Tarde divertida com as meninas no @nemosciencemuseum, um ótimo programa para fazer com as crianças em Amsterdã, especialmente em dias de chuva ou frio, bem comuns por aqui, quando ficar ao ar livre se torna inviável.  Perfeito para aguçar a curiosidade dos pequenos pelo funcionamento das coisas, pelos elementos fantásticos do mundo, fazer experiências de física e química e comer com uma vista privilegiada do centro da cidade!  #amsterdam #nemosciencemuseum #amsterdamwithkids #rocarlucciemamsterdam #dicasdarocarlucci
  • No coffee no workee ☕ 
Num domingo de friozinho e chuva por aqui, o jeito foi fazer o brunch perto de casa! 🍳  Adoramos o @brooksamsterdam: ambiente charmoso, preço bom, comida ótima e tem inclusive espaço de recreação para as crianças com monitora.  Vale a visita aqui no Oud Zuid! 🇳🇱 #vidanaholanda #amsterdam #ondecomer #brunch #nocoffeenoworkee #coffeelovers #dicasdarocarlucci
  • Aproveitando que minha mãe está aqui, demos uma fugidinha de 1 noite para Haarlem, cidade super gracinha vizinha de Amsterdã (fica a somente 15min de trem) que eu ainda não conhecia.
Me apaixonei!  A cidade tem mais de mil anos e é muito charmosa com suas casinhas típicas, canais, igrejas imponentes, muitos restaurantes e até um moinho, onde fomos conhecer um pouco mais da história deste cartão postal do país.  Ficamos no hotel L'Or, bem ao lado da estação central e recomendo: preço bom, quarto pequeno mas super fofo e café da manhã maravilhoso!  Acompanhe o passeio no stories, que deixei salvo nos destaques tbm! 🇳🇱 . . . .
#haarlem #holanda #netherlands #vidanaholanda #rocarluccinaholanda #passeios #weekendescape