Devido aos preços cada vez mais altos das coisinhas de bebê e gestantes aqui no Brasil, uma grande leva de grávidas, como eu, têm optado por fazer os enxovais de seus babies no exterior. Mas, esta decisão é muito séria e deve ser tomada com cautela, afinal não são todas as gestantes que podem se permitir um esforço grande desses, né?

Antes de começar a planejar sua viagem, conforme falei nos primeiros posts, é preciso conversar com calma com sua obstetra para ter certeza de que você está apta a viajar e receber as orientações necessárias para que tudo corra bem e o mais seguro possível.

Por isso, resolvi pedir algumas dicas para minha médica, a queridíssima Dra. Cristina Kessler, que me acompanha desde sempre e está cuidando da minha gestação.

Vejam só as recomendações importantíssimas que ela tem para nos passar:

Roberta Carlucci: Quais são suas recomendações para que esta experiência não se torne um pesadelo?

Dra. Cristina Kessler: Antes de programar a viagem é necessario consultar seu médico pré-natalista para saber se a gestação esta transcorrendo dentro da normalidade e se a viagem não irá aumentar os riscos da gravidez em curso. Isto se dá atraves da realização do exame clínico, dos exames laboratoriais e da ultrassonografia obstétrica.

Roberta Carlucci: Qual a melhor época da gestação para fazer a viagem?

Dra. Cristina Kessler: O ideal é tentar organizar-se para viajar até o final do 2º trimestre (final do 6º mes) da gestação, onde os riscos são menores e você vai estar mais disposta para aproveitar e curtir suas compras e passeios.

Roberta Carlucci: Quais são as principais precauções que as grávidas podem tomar antes da viagem?

Dra. Cristina Kessler: É importante cercar-se de todos os cuidados para evitar surpresas desagradáveis, então agendar uma consulta com seu obstetra antes da viagem e realizar os exames por ele solicitados é imprescindível.

É importante também levar junto da passagem aérea um atestado médico onde consta a informação de que voce esta apta para o vôo de ida e volta, para apresentar à companhia aérea no momento do embarque.

As medicações das quais vem fazendo uso durante a gestação deverão ser levadas para dar continuidade ao tratamento pré-natal e uma receita dos mesmos se faz necessária, se voce tiver que mostrar seus pertences na alfândega.

Farmácia da gestante: um analgésico para dores em geral, um antiespasmódico para cólicas, antiemético para náuseas ou vômitos e um antiácido para pirose gravídica ou azia. Solicitar os nomes comerciais ao seu médico, que recomendará medicações confiaveis.

Roberta Carlucci: E durante as compras, o que é e o que não é recomendável?

Dra. Cristina Kessler: Durante a viagem  usar roupas e sapatos confortáveis. Meias elásticas são uma boa opção para manter a circulação dos membros inferiores adequada, evitando os inchaços e dores muito comuns nessa fase.

Na medida do possível caminhar, elevar as pernas, movimentar o corpo e ir ao toalette sempre que sentir necessidade.

Organizar-se para descansar algumas horas assim que desembarcar e só então ir ás compras é muito importante e faz toda a diferença no quesito de aproveitar ao maximo a viagem sem cansar-se demasiadamente.

E, por fim, realizar suas compras e passeios atendo-se aos limites do seu corpo. Se estiver cansada ou indisposta, vá descansar um pouco e termine o que estava fazendo mais tarde. Evite esforçar-se além das suas possibilidades!

Fique atenta também para os alimentos que vai ingerir, evitando todos os muito calóricos, os muito ricos em gordura e/ou muito condimentados. É sempre melhor alimentar-se com algo conhecido e de boa procedência.

Roberta Carlucci: Quais são os sinais de perigo e o que fazer nestes casos quando se está fora do Brasil?

Dra. Cristina Kessler: Sinais de alerta em que você deve procurar ajuda médica local são principalmente dores fortes, cólicas em baixo ventre, sangramento via vaginal em qualquer intensidade, perda de líquido via vaginal ou algum outro mal estar geral.

Finalmente gostaria de deixar a mensagem de que a gestação é uma fase unica e maravilhosa em que você esta tendo a oportunidade de gerar um novo ser, ao mesmo tempo em que tem a possibilidade de amadurecer mais ainda para a vida e ser mulher em toda a sua plenitude! Aproveite!

Com um grande abraço e desejando felicidades a todas,

Cristina Kessler

Dra Cristina Maria N C. Kessler

Formada pela UFSC em 1981, residência e especialização em Ginecologia-Obstetricia na Maternidade Carmela Dutra nos anos 1982 e 1983. Atende suas gestantes na Ilha Hospital e Maternidade e na Clinica Santa Helena. Consultório na Clinica Médica Trindade – Avenida Madre Benvenuta ,146 – Bairro Trindade – Florianópolis- SC. Fones: (48) 3234-1654  e (48) 9139-2557.

www.cristinakessler.com.br

Espero que tenham gostado, queridos!

Beijos e boa semana,

Roberta Carlucci